#

.html
Versículo do Dia


terça-feira, 27 de setembro de 2016

Você vale o que você valoriza

Texto (Gênesis 25:29-34)

Introdução:
“E Jacó cozera um guisado; e veio Esaú do campo, e estava ele cansado; E disse Esaú a Jacó: Deixa-me, peço-te, comer desse guisado vermelho, porque estou cansado. Por isso se chamou Edom. Então disse Jacó: Vende-me hoje a tua primogenitura. E disse Esaú: Eis que estou a ponto de morrer; para que me servirá a primogenitura? Então disse Jacó: Jura-me hoje. E jurou-lhe e vendeu a sua primogenitura a Jacó. E Jacó deu pão a Esaú e o guisado de lentilhas; e ele comeu, e bebeu, e levantou-se, e saiu. Assim desprezou Esaú a sua primogenitura (Gênesis 25:29-34).”

Analisando o texto que acabamos de ler podemos dizer que “desprezar privilégios os espirituais para deleitar-se nos desejos e ambições pessoais é o ato mais profano (que deturpa ou viola a santidade de coisas sagradas) que um cristão pode cometer.”

I - Ignorar os valores de Deus é como rejeitá-lo. E uma vez rejeitado, profanado. 
Por certo, Esaú não tinha noção do que rejeitou, ao vender sua primogenitura, pois na ausência do pai o filho primogênito era “revestido de autoridade; sua posição era inferior apenas a de seu pai; herdava uma dupla herança em relação a qualquer outro filho.” Segundo lemos em 2 Rs 2.9

Entre os reis a primogenitura garantia ao primogênito a “sucessão do governo de seu pai; tinha direito a uma benção especial a ser proferida pelo pai; liderança na adoração a Deus e no caso de Esaú teria direito à benção Abrâmica”, conforme lemos em Gn 12:2-3,7

Acontece que, assim como Ezaú, tamanha ignorância tem sido manifestada pelo cristão deste século, desprezando ou ignorando seus privilégios, escolhendo seus próprios interesses, esquecendo ser herdeiro da nova aliança. Valorize sua primogenitura, pois ela excede todo e qualquer privilégio escolhido por si próprio. 

II - O comportamento impulsivo impede enxergar o futuro e profana o presente de Deus.
A ambição exacerbada tem contribuído para a degeneração de muitos cristãos. Este é um obstáculo que precisa ser vencido pelos que dizem confiar em Deus. A grande problemática de Ezaú não estava na lentilha, e sim, em sua ambição, ao ponto de não aguardar, confiantemente a provisão do Senhor. 

“Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor. Tirou-me dum lago horrível, dum charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos. E pôs um novo cântico na minha boca, um hino ao nosso Deus; muitos o verão, e temerão, e confiarão no Senhor (Sl 40.1-3).”

III - Todo aquele que despreza bênçãos e privilégios do Eterno é profano.
Todo aquele que se chama pelo nome do Altíssimo deve preocupar-se com a eternidade, não com os deleites momentâneos que o mundo oferece. A Esperança do cristão, bem como a certeza da parousia (segunda vinda de Jesus), deve ser o refrigério da preocupação de todo aquele que crê e professa Jesus Cristo como seu único e suficiente Salvador, uma vez que curta é nossa existência terrena (Ec 12). 

Conclusão:
Por sua carnalidade, caro foi o preço pago por Ezaú, pois perdeu a sua benção. Arrependeu-se tarde demais.
"E ninguém seja devasso, ou profano, como Esaú, que por uma refeição vendeu o seu direito de primogenitura. Porque bem sabeis que, querendo ele ainda depois herdar a bênção, foi rejeitado, porque não achou lugar de arrependimento, ainda que com lágrimas o buscou (Hb. 12.16-17)."

"E disse Esaú a seu pai: Tens uma só bênção, meu pai? Abençoa-me também a mim, meu pai. E levantou Esaú a sua voz, e chorou. Então respondeu Isaque, seu pai, e disse-lhe: Eis que a tua habitação será nas gorduras da terra e no orvalho dos altos céus. E pela tua espada viverás, e ao teu irmão servirás. Acontecerá, porém, que quando te assenhoreares, então sacudirás o seu jugo do teu pescoço (Gen. 27.38-40)."

Não venda tua primogenitura por um "prato de lentilhas". Valorizar o que você tem é melhor que valorizar o que você tinha.

Por: Carlos Eduardo (Pr. Kadu)

Avalie o artigo:

0 comentários:

Postar um comentário

Todo tipo de comentário desrespeitoso será deletado.