#

.html
Versículo do Dia


terça-feira, 30 de outubro de 2012

A importância da adoração na adversidade.




Texto:  Hc 3:17,18
Introdução:
Nesta narrativa, identificamos que Habacuque passava por algumas adversidades, entretanto não abandou sua prática de adoração a Deus.
Vivemos numa época onde muitos adoram a Deus apenas em momentos de paz e alegria. Todavia o texto lido expressa: “A Importância da Adoração na Adversidade”. 
Grandes heróis da fé adoraram na adversidade.
Quando adorarmos ao Senhor, ainda que na adversidade, Ele manifesta o seu poder em nosso favor!

O texto lido nos revelam alguns tipos de adversidades:

1 – Adversidade da fraqueza;
O momento em que a figueira não floresce.
A figueira é identificada nas escrituras como uma fonte de força. O fato da figueira não florescer, simboliza, que o dia da fraqueza chegou.
Todos nós passamos por momentos de fraqueza: fraqueza física, psicológica e espiritual.
Todavia, quando adoramos a Deus no momento da fraqueza, ele nos fortalece!

2 – Adversidade da tristeza;
O fato de não haver fruto na vide. 
Um dos principais símbolos do fruto da vide nas escrituras é a alegria. Se não há fruto na vide, não há alegria. De quando em quando, nos encontramos tristes, amuados, cabisbaixo por estarmos enfrentado alguma adversidade na vida. Uma coisa e fato, assim como trevas é a ausência de luz, tristeza nada mais é que, “Ausência de alegria”. Entretanto, quando adoramos ao Senhor no momento de tristeza Ele alegra o nosso coração.

3 – Adversidade da enfermidade na unção espiritual;
  Caso o produto da Oliveira mentir ou falhar.
 O produto da oliveira é o azeite. Na Bíblia vemos o azeite sendo utilizado como medicamento, em diversos tipos de enfermidade ou símbolo da unção de Deus. 
Quando o produto da oliveira "mente ou falha" fala dos momentos em que passamos por enfermidades ou declínio espiritual.
Se no período de enfermidade de fraqueza espiritual, louvarmos ao Senhor ele pode nos restaurar!
    
4 – Adversidade da privação;
Quando o campo não produzir mantimento, as ovelhas arrebatadas, e os currais sem vacas, fala-nos de falta de alimentação, vestimenta e de meios para trabalhar; mas se louvarmos ao Senhor mesmo no momento de privação, mesmo no momento em que nos falta tudo, Ele provê suprimento para nós!

Conclusão:
Independente da adversidade que esteja enfrentando:
Fraqueza, tristeza, enfermidade da unção espiritual, ainda que estejas privado de muitas coisas; ou oprimido pela por elas, adore ao Senhor, pois é na adversidade conhecemos os recursos de que dispomos e o nosso melhor recurso é adorar ao Senhor. Quando, você O adora na adversidade o Ele se manifesta em teu favor.

Por: Carlos Eduardo

Avalie o artigo:

1 comentários:

Todo tipo de comentário desrespeitoso será deletado.